a lona

A CIA LONA DE RETALHOS 

 

A Cia. Lona de Retalhos nasceu em 2006 da parceria entre duas atrizes que trabalhavam como clowns num projeto de humanização hospitalar em São Paulo: Carina Prestupa e Thaís Póvoa.

A possibilidade de pesquisar a linguagem do clown no palco traz o trabalho de investigação dramatúrgica para o público infantil, baseado em grandes obras da dramaturgia universal. “Esperando Gordô” é o primeiro espetáculo da companhia. Inspirado nos personagens da obra “Esperando Godot” de Samuel Beckett, já esteve em cartaz em São Paulo, interior, outros estados e foi representante do Brasil em festivais no México e Argentina. O segundo espetáculo, inspirado em “Horácios e Curiácios” de Bertolt Brecht, chama-se “A incrível batalha pelo tesouro de Laduê” e já esteve em cartaz em São Paulo, interior e Paraná.

Do desejo da companhia em pesquisar o universo da oralidade, surge o projeto Lona de Histórias, que busca trazer as experiências teatrais do palco e intervenções cênicas para a narração de histórias. Desde 2010 diversas narrações já foram realizadas pela companhia em SESCs, Bibliotecas Públicas de São Paulo, CEUs, Museu da Imagem e do Som, além de ter sido contemplada pelo Edital de Contação de Histórias como  Estímulo à Leitura de São Bernardo do Campo, realizando narrações mensais nas bibliotecas e espaços culturais da cidade.

A Cia Lona de Retalhos recebeu os prêmios de melhor trilha sonora e autor revelação no PRÊMIO FEMSA de Teatro Infantil e Jovem de 2009,com seus dois espetáculos, e foi indicada em outras cinco categorias, incluindo a de melhor espetáculo infantil com Esperando Gordô.  O grupo também foi contemplado pelo Governo do Estado de São Paulo através do Programa de Ação Cultural e visto por milhares de pessoas em cidades do interior e da baixada paulista em 2011. Em 2013 e 2014 a Cia Lona de Retalhos foi selecionada pelos Editais Viagem Teatral SESI e Viagem Teatral SESI – Ação Arte-Educação, realizando apresentações dos seus espetáculos nos teatros  e  unidades escolares da Rede SESI  da Grande São Paulo e Interior, somando mais de 40 unidades percorridas pelos espetáculos.

Em 2014 a Lona vai pra rua e estreia Otelo e a Loira de Veneza ou o Pancadão da Traição, realizado no ABC, São Paulo, interior e baixada santista. Em 2015 Otelo circulará pelo interior do estado dentro da programação do Circuito SESC de Artes.

O grupo desenvolve ainda um projeto de Humanização Hospitalar, palestras e campanhas hospitalares de diversos temas para colaboradores na área da saúde, workshops e cursos de formação na área teatral.

Anúncios